Deputada Natália Bonavides vota contra MP que retira direitos trabalhistas

A deputada federal Natália Bonavides (PT-RN) foi uma das parlamentares que defendeu o direito à folga semanal e contestou a proposta do governo.

Na noite desta quarta-feira (14/08) a Câmara dos Deputados concluiu a votação da MP 881, apresentada pelo governo federal como medida da “Liberdade Econômica”.

O texto aprovado autoriza o trabalho aos domingos com folga a cada 4 semanas. Os partidos de oposição tentaram derrubar esta autorização, mas a maioria dos parlamentares rejeitou a alteração.

Liberdade econômica para quem? Certamente não é para o trabalhador que terá que se submeter e trabalhar aos domingos sem receber tudo o que lhe é devido. Disseram que a reforma trabalhista iria gerar empregos e o resultado são 13 milhões de desempregados. Agora, pioram a reforma de um jeito que quem está conseguido trabalhar seja ainda mais explorado, declarou Natália.

A MP 881 aprovada na Câmara permite trabalho aos domingos com folga a cada quatro semanas sem aval do sindicato por meio de acordo coletivo. Além disso, impõe restrições ao poder regulatório do Estado e facilita a fraude por parte das empresas no registro do banco de horas. A proposta segue para votação no Senado Federal, que tem até o dia 27 de agosto para votar.

Foto: Gabriel Paiva

Natália Bonavides

Comentários